Ações ou Fundos Imobiliários?

Há uma dúvida muito grande, principalmente para os investidores iniciantes entre aplicar em Ações ou Fundos Imobiliários devido algumas características em comum entre eles como, por exemplo, ambos são ativos de Renda Variável, pagam proventos, são negociados em Bolsa etc...

Vamos elucidar abaixo algumas diferenças para auxiliá-lo em seu processo de escolha:

Se precisar da ajuda de algum de nossos assessores Clique Aqui.

Ações - Características

  • Dividendos (percentual de lucro liquido da empresa). Geralmente são trimestrais, semestrais ou anuais
  • Maior potencial de valorização, consequentemente mais riscos
  • Se torna sócio da empresa
  • Atrelado ao Ibovespa
  • No mínimo, 25% dos lucros devem ser distribuídos aos acionistas
  • Maior liquidez, o que torna mais fácil a venda dos ativos

Fundos Imobiliários - Características

  • Proventos mensais (alugueis) na maioria dos fundos
  • Menor volatilidade
  • Se torna dono de uma parte do empreendimento
  • Atrelado a imóveis, CDI ou inflação
  • No mínimo, 95% dos lucros tem que ser divididos entre os cotistas
  • Devido ser atrelado a contratos os rendimentos são mais previsíveis, então, se nada mudar, o investidor saberá qual será seu rendimento
  • Alguns fundos possuem baixa liquidez, o que pode trazer maior dificuldade para realizar a venda do ativo ou ter um grande deságio em uma venda emergencial

Ações

Ações são pequenas frações do capital de uma empresa, que são negociadas em Bolsas de Valores, especificamente a B3 (Brasil, Bolsa e Balcão) e dão a oportunidade ao investidor de se tornar sócio desta empresa, como por exemplo, a Petrobrás. Comprando ações da Petrobrás você se torna um sócio da empresa, com direito a receber parte dos lucros da companhia, que são os dividendos, e como detentor do ativo também está exposto as variações no preço de mercado das ações, que tanto pode subir (valorizar) ou cair (desvalorizar) dependendo dos fatores econômicos que influenciam no potencial de lucro da empresa, desta forma, se torna um investimento com riscos mais elevados.

Para escolher quais ações comprar ou vender há dois tipos de análises que podem ser realizadas, a análise técnica e a análise fundamentalista, sendo que pode se usar as duas juntas ou apenas uma delas, depende de como o investidor preferir.

A analise fundamentalista se resume em estudar os fundamentos das empresas, realizando uma análise macroeconômica, uma análise setorial e, por fim, uma análise da empresa estudando os dados financeiros do negócio na qual há o interesse de investimento.

A análise técnica consiste em estudar os preços passados dos ativos, plotando em um gráfico, e projetar os movimentos futuros dos preços através das tendências, médias móveis e indicadores gráficos que facilitam o estudo dos comportamentos das ações.

Charles Dow, fundador do Wall Street Jornal, foi o difusor desta técnica no início do século XX onde todos os estudos de análise técnica tem origem em sua teoria, a chamada "Teoria de Dow".

Fundos Imobiliários

Os Fundos de Investimentos Imobiliários (FIIs) consiste em uma reunião de investidores, chamados cotistas, que ao invés de comprar um imóvel diretamente, dividem esse imóvel em cotas e cada um compra a parte que lhe interessa, com o objetivo de receber os rendimentos (aluguéis) deste imóvel.

Talvez um investidor sozinho não tenha recursos suficientes para comprar um shopping center, porém através dos fundos imobiliários ele pode comprar uma parte deste shopping e receber os aluguéis dos lojistas conforme a proporção de cotas que comprou, facilitando assim o acesso dos investidores a investimentos do setor que tem interesse, de maneira rápida e sem burocracia.

Os FIIs podem ser classificados como:

  • Fundos de tijolo: São fundos que investem em empreendimentos físicos diretamente como: hospitais, shoppings center, galpões de logística, lajes corporativas, universidades entre outros.
  • Fundos de papel: São fundos que alocam o seu patrimônio em ativos financeiros do setor imobiliário, como por exemplo, LCI, LCA, CRI, que podem ser atrelados a um índice de preço (IGP-M, IPCA etc) , como podem ser pós-fixados atrelados ao CDI.
  • Fundos híbridos: São fundos que podem alocar seu patrimônio em ativos físicos e ativos financeiros dentro do mesmo fundo, ou até mesmo comprar cotas de outros fundos imobiliários.

Ao comprar cotas de fundos imobiliários, que podem ser realizados pela B3, sem burocracia, através do home broker de sua corretora, o investidor adquire pequenas participações de imóveis e se torna dono de uma parte deste imóvel, sendo ele um shopping, um hospital, um prédio comercial na Faria Lima etc.

Afinal, em que devo investir?

Considerando o gerenciamento de risco de qualquer investimento em renda variável o investidor deve investir nos dois, pois quanto mais diversificada sua carteira de investimentos, menor o risco de perdas e menor a volatilidade. É a velha história conhecida de não colocar os ovos em uma única cesta, porque se uma delas cair você não perde todos os seus ovos.

Agora, se você é um investidor iniciante, não tem muito capital para investir, aplicar em fundos imobiliários é uma excelente forma de começar a lidar com o mercado de renda variável porque os FIIs e as ações são praticamente iguais na maneira de operacionalizar as compras e vendas através do home broker e, pelo fato de os FIIs serem mais conservadores e menos voláteis o investidor começará a sentir como funciona a volatilidade do mercado e o acompanhamento dos seus investimentos dentro da plataforma da corretora.

Precisa de ajuda? Fale com nossos especialistas

Esperamos que essa leitura tenha esclarecido um pouco, ou boa parte de suas dúvidas, porém se quiser um suporte ainda melhor pode conversar com nossos especialistas via WhatsApp clicando aqui, ou entrar em contato conosco clicando aqui e solicitando a ligação de um de nossos assessores que estão prontos para lhe atender e auxiliar com suas dúvidas te ajudando a escolher o melhor investimento de acordo com o seu perfil de investidor.

Obrigado por sua leitura e até mais!

Vena Investimentos

Siga @vena.investimentos no Instagram e fique por dentro de todas as novidades!